Goela Seca

O começo de tudo

A raiz de um povo é a cultura de uma nação. A mais xucra tradição. Uma pátria a cavalo, pilchada de bota e bombacha. Assim são os gaúchos que cultuam suas origens, por onde quer que andem.

 E não foi diferente com a família intitulada com despacho de Goela Seca. Um grupo de amigos que por opção e vontade própria, cultua a música mais tradicionalista gaúcha e campeira que essa terra já pariu.

 O começo de tudo foi com o encontro do Bragas com o João Jerônimo, que desgarrados dos pagos procuravam abrigo no CTG Fogo de Chão, em Blumenau, onde buscavam cerne da tradição.

Bragas e João

Bragas e João

Ali cantaram e tocaram umas marcas juntos e ajeitaram um ensaio. Este passou a acontecer uma vez por semana, até que um dia descobriram que o concunhado do Bragas, o Pablo Pereira era baixista.

 Logo em seguida convenceram o amigo a encruar o bagualismo, passaram o repertório pra o loco e convenceram o animal que deveria vir de Joinville a Blumenau uma vez por semana, só pra ensaiar. Que coza!

 

Pablo, Bragas e João

Pablo, Bragas e João

É bom que se diga que o repertório, desde então, tem como base composições interpretadas por José Claudio Machado, Pedro Ortaça, Joca Martins, Cesar Oliveira e Rogério Melo, Luiz Marenco, Leonel Gomes, Adair de Freitas, Cenair Maicá, Telmo de Lima Freitas, entre outros.

 Logo em seguida que o Pablo baixista foi incorporado ao grupo, surgiu uma nova amizade. Também desgarrado e no CTG Fogo de Chão, conheci o Bragas. Oriundos de Santa Maria pegamos amizade fácil e passei a acompanhar os churrasco dos Goela que às vezes aconteciam com o nome de ensaio aberto. Em um desses churrascos na Cabanha Mapuche fui convidado para fazer parte dos amigos, como percussionista tocando Cajon, chocalho e pandeiro. De fã, a amigo, de amigo a parceiro. Que momento!

Bragas, João, Pablo e Leonel

Bragas, João, Pablo e Leonel

 

Os Goela contam com a parceria de muitos amigos que os acompanham, e vice-versa. Amigos, filhos, namoradas, esposas, agregados, admiradores e tradicionalistas que fazem parte dessa grade família. Sem dúvida o maior fruto dessa parceria.

 Assim é a história dos Goela Seca. Unidos pela música e pela cultura gaúcha. Ermanados nessa amizade, por onde se convive com muitas pessoas de fundamento. E dessa mesma fonte nasceu o Linha Campeira.

Leonel Furtado

Percussão

 Os Goela já nasceram com um público cativo. Inicialmente eram apenas os próprios membros e, aos poucos foram arrebanhando prá música campeira, os agregados e outros apreciadores de todas as procedências musicais. Penso que hoje, os integrantes dos Goela são todos os que se reúnem prá ouvir uma música xucra, golpear uns mate, assar uma carne e molhar a goela. O que empeçou como um bando, hoje é uma família.

Bragas

Voz e Violão

 Os Goela Seca são a mais perfeita tradução de companheirismo, irmandade e união em torno do gosto pela tradição gaúcha, pela música campeira e principalmente pelas afinidades e a amizade pura e verdadeira que une o grupo.

Pessoas que se conhecem há tão pouco tempo, mas que tenho certeza que serão amigos eternamente.

João Jerônimo

Gaita Botoneira

 Plagiando e adaptando as palavras de um amigo: Não fui “criado em galpão”, mas aprendi a gostar desta gaúcha tradição. Faço minhas palavras expondo meu sentimento, pois acredito que seja o testemunho que o gauchismo ultrapassa os limites geográficos. Hoje, os Goela Seca são muito mais que 4 integrantes e alguns instrumentos, mas sim a únião de amigos, companheiros e parceiros que simplesmente fazem o que gostam porque gostam.
Pablo Pereira
Baixo

Homenagens:

O Piquete Rancho Fermelo mandou instituir o Canto dos Goela Seca, local onde se cultua a música tradicionalista gaúcha.

Gracias amigos!!!

Canto dos Goela Seca

Canto dos Goela Seca

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: